Misericórdia - Costa Gold - EP Posfácio | Letra, Vídeo e Download

A Trilogia...
O Ciclo Vicioso...
Efeito Dominó...
Epifania...
e por fim, Posfácio...


Salve salve loucos!

Se tu tá ligado aqui no site, e curte o trampo do Costa Gold, já deve ter visto que estamos postando toda discografia do grupo aqui em nosso site. E faremos isso para todos os grupos e cantores de Rap que formos capaz, ou melhor, que eu for capaz, afinal, tenho tocado essa bagaça sozinho.

Já falamos sobre o primeiro trampo do Costa Gold, o álbum P.L.O.W., falamos sobre os dois primeiros álbuns da trilogia Ciclo Vicioso (Efeito Dominó e Epifania). Agora, vamos iniciar uma série de postagens falando sobre as faixas do Posfácio, álbum que fecha o Ciclo Vicioso.

O Posfácio foi o último álbum da trilogia Ciclo Vicioso lançado pelo Costa Gold. Este álbum marcou o fechamento de uma fase do grupo. Foi inclusive o último álbum com Adonai no grupo. Posfácio foi lançado em 2014.

A faixa Misericórdia é a oitava track do álbum.

Antes de continuar, você pode conferir todos os trampos do Costa Gold aqui no site. Basta clicar aqui
Aqui nesta postagem você poderá conferir um vídeo com a música Misericórdia do Costa Gold. Vamos também deixar um link para você baixar a música e todo o disco Posfácio gratuitamente. Para quem tiver afim, vamos ter também a letra da música Misericórdia do Costa Gold.

Uma fita que achei bem louca nesse trampo do Costa Gold foram as artes das tracks. Cada música recebeu uma arte própria no lyric postado no Youtube. Vamos deixar a imagem abaixo pra conferir e salvar se quiser.

Primeiro, vamos ao vídeo da música Misericórdia do Costa Gold para quem quiser curtir o som no Youtube. Veja abaixo:

Misericórdia - Costa Gold - Vídeo:

Misericórdia - Costa Gold - Download Grátis:

Se você está afim de baixar a música Misericórdia do Costa Gold em mp3 e todo o álbum Posfácio, clique aqui.


Misericórdia - Costa Gold - Letra:

Tanta miséria que vemos por aí
Ensinam a valorizar
Tudo aquilo te motiva a sorrir
Ou simplesmente sonhar!
Longe de opiniões alheias, incendeia
A vontade de colher aquilo que você semear

(Adonai)
Bate
O vento lá fora
Não ignora
Forte
O que sinto agora!
É a trilha sonora
De uma cena rara
De um cara, cara a cara
Com os próprios devaneios
Porém nunca se ampara!
E a cara é
Pelo mais fácil optar!
Não perder a fé!
Só fugir pra outro lugar
E nem toda habilidade

De percorrer a cidade
Toda ao alarde não vai mais o alcançar!
Neurose não pode abalar
Sua boca não vai se calar!
Maldade só vai ficar lá!
Morando na sua alma se você deixar
Se entregar a quem não quer você
Só tragar o que não quer mais ver!
Naufragar seus sonhos ao redor
E quando estiver só

Perceber
O quanto frágil um demônio pode ser!
Antes de notar que sua carne vai apodrecer
Exorcizar o que infectou (meu) seu ser!
Tragando toda essência do amanhecer

Tanta miséria que vemos por aí
Ensinam a valorizar
Tudo aquilo te motiva a sorrir
Ou simplesmente sonhar!
Longe de opiniões alheias, incendeia
A vontade de colher aquilo que você semear

Cada vez mais! To vendo que o mundo tá louco!
E que tá osso
Que nego num ajuda
Nego até muda
Depois de famoso
O cash ilude
Sua atitude
E com o rap pude
Entregar mensagem mais rápido que "fast-food"
Cansei de ver farol com criança
No brasil vejo miséria porque não vejo infância!
Separa um advogado e o valor da sentença
Que hoje eu vou assalta uns banco e esfaquear o datena!
Chega de palhaçada
Hora de da na cara!
Hora de fuder quem tá no controle
Que pensa que pode fazer o que quiser
Porque ninguém vai falar nada

Vou dar facada!
Num vai da nada
Eu vou fuder com a mente, e minha mente tá safada!
Eu já li, que aqui, tem menos miséria sepá
Mas num vou confia, na dilma e no ipea
É a presidência, é a presidenta!
E o brasil preso no penta
Então aguenta e peita!
Que ser do rap é ser resistência!

Verso o que acabou!
Simplório e peço a paz que trouxe
A vida não é um bolo doce
Quem que viu, vê
E vai saber!
Que a nação engole
Um cuzão promete!
Deixa nós na mão
De um "boy" otário de topete!
O ensino público é precário e sem conceito!
Pra nós nascer e crescer
Sem lutar pelos próprios direitos!
É? É

Uma nação no parapeito!
Na lasca do penhasco
E o carrasco do capeta, fi!
Corrupção move o planeta!
Vai ter "bonde da estronda"
Enquanto cês quiserem ver
Mais teta do que letra!
Costa gold é meu brado "liricista"!
Enquanto eu olhar pra pista
Movendo o "bate-cabeça"!
Volte o pulo!
Bebendo "scotch" puro!

Corte, furo!
Dote puro
Sorte eu juro
Vote nulo!
Pode tudo!
Eles fodem, word God!
Atacar o "wood"
Pode duro
O cofre é burro!
Vote nulo

Tanta miséria que vemos por aí
Ensinam a valorizar
Tudo aquilo te motiva a sorrir
Ou simplesmente sonhar!
Longe de opiniões alheias, incendeia
A vontade de colher aquilo que você semear

Misericórdia - Costa Gold - EP Posfácio | Letra, Vídeo e Download
Misericórdia - Costa Gold - EP Posfácio | Letra, Vídeo e Download


Misericórdia - Costa Gold - EP Posfácio | Letra, Vídeo e Download Misericórdia - Costa Gold - EP Posfácio | Letra, Vídeo e Download Reviewed by Fernando André on 13:50 Avaliação: 5
Tecnologia do Blogger.